Informativo

Potencial de carne de frango: expansão de 1,78% no acumulado janeiro/agosto de 2020

26/08/20

Supondo-se que todos os pintos de um dia alojados no País (dados da APINCO) no decorrer de 2020 tenham sido abatidos aos 42 dias de idade e estimando-se, ainda, viabilidade de 96% dos lotes alojados, tem-se no acumulado dos oito primeiros meses do corrente exercício um volume de frangos – perto de 4,232 bilhões de cabeças – cerca de 3,86% superior ao de idêntico período de 2019.

À primeira vista esse volume deveria redundar em idêntico nível de expansão na carne produzida. Ocorre, porém, que desde o ano passado e até o fechamento do primeiro semestre deste ano, os levantamentos trimestrais do IBGE vêm apontando redução no peso médio dos frangos abatidos em estabelecimentos sob inspeção.

Isso considerado e estimando-se que no bimestre julho/agosto o peso médio registrado se mantenha nos mesmos níveis dos observados no segundo trimestre de 2020, o potencial de produção de carne de frango estimado para os primeiros dois terços do corrente exercício será menos de 2% superior ao de idêntico período do ano passado.

Mantendo-se o atual ritmo de produção no quadrimestre final de 2020, o potencial total chegará aos 14,5 milhões de toneladas de carne de frango, ou seja, terá, praticamente o mesmo volume estimado para os 12 meses encerrados em agosto corrente.

Notar, de toda forma, que nestes dois últimos meses (bimestre julho/agosto) o potencial projetado alcança os maiores volumes de todo o período analisado. Se isso se mantiver no restante do ano, a produção total (pelo potencial estimado) poderá ultrapassar os 14,7 milhões de toneladas.

Fonte: Site - AviSite

Área do Associado

Cadastre seu e-mail

Receba nosso boletim informativo diretamente no seu e-mail.